Combate ao Acidente de Trabalho: Profissionais do município são capacitados

Para marcar o 28 de abril, Dia Mundial de Combate a Acidentes de Trabalho, que este ano cai no próximo domingo, a Prefeitura de Macapá iniciou ontem, 22, a I Oficina Integrada do Núcleo de Saúde do Trabalhador (Nusat) da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e do Centro de Referencia em Saúde do Trabalhador (Cerest). A capacitação acontece até sexta-feira, 26, no auditório do Cerest.



A programação começou capacitando os Agentes de Combate às Endemias que foram orientados obre a importância e para o uso adequado dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e o processo de condução de métodos adequados durante o período de trabalho com a utilização dos mesmos. Os profissionais também receberam noção de ginástica laboral, para manter a postura adequada durante o trabalho, evitando lesões por esforço repetitivo e algumas doenças ocupacionais.



Além disso, o setor de imunização está presente na programação da I Oficina Integrada entre Nusat e Cerest. Todos os profissionais participantes terão chance de por em dia o cartão de vacinação no inicio de cada capacitação. A Imunização disponibiliza vacinas para febre amarela, hepatites, tétano, gripe e outras.



Os profissionais da prefeitura serão capacitados até a sexta-feira e cada dia é destinado a uma categoria. Ainda passarão pelo auditório do Cerest na parte da manhã, quarta (24), os Agentes Comunitários de Saúde, na quinta (25) os Serventes Escolares e na sexta (26) os Serventes Hospitalares, que desenvolvem suas atividades nas unidades básicas de saúde de Macapá. Na sexta-feira, à tarde, é a vez das merendeiras. Elas seriam capacitadas hoje, 23, mas em decorrência da paralisação nacional dos profissionais da educação, a data foi transferida.



“O Nusat é um setor novo no desenvolvimento de suas atividades, mas já existe desde 2010 na Prefeitura e esta iniciativa abre as ações que iremos desenvolver na promoção e prevenção da saúde do trabalhador. Nesta primeira oficina estamos mostrando os principais riscos das atividades desenvolvidas pelos profissionais e estimulando a adoção de cuidados para preservar a saúde”, disse a chefe de Promoção e Prevenção da Saúde do Trabalhador, Lusandra Frazão.



Janine Cruz - Asscom/Semsa


Fonte: PMM Karen
2013 PMM